17 dezembro, 2010

BAROSAURUS



Bando de Barosaurus
SEU ENORME PESCOÇO PERMITIA APANHAR FOLHAS NO TOPO DAS ÁRVORES, COMO AS GIRAFAS.

Imenso e pescoçudo, o Barosaurus também possuía uma longa cauda usada para chicotear seus inimigos. Vivia em bandos, o que era muito útil para a defesa contra predadores. Como todo saurópode, era dotado de uma garra larga e curva num dos dedos da pata dianteira.

-OSSOS OCOS
Os ossos do comprido pescoço deste dino eram ocos e leves. Por isso, o Barosaurus podia erguer a cabeça com facilidade para alimentar-se. Se fossem sólidos, tal movimento seria bastante dificultado.

-SANGUE PARA O CÉREBRO
Alguns cientistas pensam que o Barosaurus só podia levantar a cabeça por curtos períodos de tempo. Senão, o sangue nem chegaria ao cérebro, devido à grande distância existente entre o crânio e o coração. Outros estudiosos acham que este bicho devia ter vários corações para ajudar a bombear o sangue por todo seu imenso corpo.

--DADOS--
-NOME: Barosaurus significa "réptil pesado"
-TAMANHO: até 27 m de comprimento
-ALIMENTAÇÃO: plantas e folhas
-QUANDO VIVEU: cerca de 150 - 140 milhões de anos atrás, período jurássico, no oeste da América do Norte e na Tanzânia.
Espécies: Barosaurus lentus

10 dezembro, 2010

Concurso de Paleoarte 2 - 2010/2011

Aqui estamos de volta com o concurso de Paleoarte do blog, se quiser participar leia as informações abaixo.
Faça um desenho de dinossauro feito, a mão, Paint ou qualquer outro programa de desenho de seu PC, e mande para gente por E-mail.

Como mandar:

--Paint--
Faça o desenho no Paint bem caprichado, depois salve o desenho em algum arquivo, entre no nosso E-mail: magazinedosdinossauros@gmail.com! Depois de entrar no E-mail mande para gente seu desenho com seu nome, a espécie do dinossauro desenhado, e que estado mora!

--Feito a mão--
Depois de fazer o desenho, tire uma boa foto do desenho. Passe para o seu PC e mande por E-mail!

--Como funciona--
Nós colocaremos todos os desenhos que nos enviarem, e faremos uma enquete com todos os desenhos, quando terminar a enquete, nós anunciaremos no Blog o grande artista! O prêmio é um selo que só será publicado no Blogger ao fechamento da enquete, dia 21/04/2011. O selo é muito bom para os três colocados publicarem em seu Orkut, Blogger, Site, etc...

O concurso não tem limite de idade, é livre!

A participação é valida até 08/03/2011.

O grande artista será anunciado no dia 22/04/2011, neste mesmo dia a enquete será fechada. Por tanto, votem muito!!

Para os que participaram do concurso anterior, não é válido enviar os mesmos desenhos concorridos no concurso anterior.

Boa sorte!!!!!!!!!

08 dezembro, 2010

FÓSSIL DE DINOSSAURO MINÚSCULO COM CHIFRES É ENCONTRADO

Cientistas dizem que o Koreaceratops tinha uma grossa cauda em forma de leque que pode tê-lo ajudado a nadar.

Fóssil de Koreaceratops
cientistas divulgaram nesta semana que um fóssil de um novo e minúsculo dinossauro com chifres foi encontrado na Coreia do Sul e é o primeiro deste tipo em uma região onde é rara esta espécie de descoberta.
O achado está ajudando os cientistas a resolverem o mistério de como evoluíram os dinossauros de chifres, de criaturas do tamanho de um cão na Ásia a enormes dinossauros como os Triceratops que perambulavam pela América do Norte. "É uma descoberta rara", disse Michael Ryan, curador e chefe de paleontologia de vertebrados no museu de história natural de Cleveland. "Não costumamos achar fósseis de dinossauros nesta região, onde se registra com maior frequência evidências de ovos de dinossauros e pegadas", disse Ryan.
"O espécime é importante porque preenche um elo perdido de 20 milhões de anos no registro fóssil entre a origem destes dinossauros na Ásia e seu primeiro aparecimento na América do Norte", acrescentou.
O Koreaceratops tinha um bico como o de um papagaio que se destacava sobre uma mandíbula cheia de dentes. Tinha uma grossa cauda em forma de leque que pode tê-lo ajudado a nadar.
Ryan é coautor da pesquisa liderada por Yuong-Nam Lee, do instituto coreano de geociências e recursos minerais, publicada na edição de 18 de novembro da revista online Naturwissenchaften: The Science of Nature.
O Koreaceratops tinha 1,67 metro de altura e pesava entre 27 e 45 quilos. Cientistas da Coreia do Sul, Estados Unidos e Japão acreditam que a criatura viveu há cerca de 103 milhões de anos, no período do Cretáceo remoto, sendo geologicamente mais jovem que o Triceratops.

Fonte: Terra

07 dezembro, 2010

SHUNOSAURUS




O PRIMEIRO SAURÓPODE COM UMA CLAVA NA CAUDA A SER DESCOBERTO

Desde 1979 foram encontrados mais de dez esqueletos deste enorme dinossauro chinês.

-DEVORADOR DE FOLHAS
Para o Shunosaurus, a vida era um longo almoço. Usava seus dentes grandes, em forma de colher, como um ancinho. Incapaz de alcançar tão alto quanto alguns de seus parentes, provavelmente se alimentava de folhas das árvores menores.

-ARMA ESPECIAL
Apesar de grandes, os herbívoros viviam sob a constante ameaça dos predadores. Pesados, locomoviam-se com bastante lentidão, apoiados em pernas que lembravam pilares. No entanto, o Shunosaurus tinha mais sorte. Na extremidade de sua cauda comprida e musculosa, havia uma protuberância óssea em forma de clava. Era diferente dos enormes porretes dos dinos encouraçados, como o Ankylosaurus. Mas devia funcionar como uma arma igualmente poderosa, toda vez que o Shunosaurus balançava o rabo.

--DADOS--
-NOME: Shunosaurus, que significa "réptil de Shu (Sichuan)"
-TAMANHO: 9 - 10 m de comprimento e 3 m de altura
-ALIMENTAÇÃO: plantas
-QUANDO VIVEU: há 190 milhões de anos, na Província de Sichuan, China.
-ESPÉCIES: Shunosaurus lii

06 dezembro, 2010

STYGIMOLOCH




Crânio de Stygimoloch

Stygimoloch em seu habitat natural
O CRÂNIO DURO E RESISTENTE PROTEGIA O CÉREBRO DESTE DINO NAS LUTAS VIOLENTAS.


O Stygimoloch vivia em bandos e pastava nas áreas verdes. As pernas dianteiras eram atrofiadas, mas as traseiras tinham bom tamanho. A longa cauda ficava nivelada com o corpo quando corria. Os chifres da cabeça eram apenas decorativos, não sendo usados como arma.

-LUTAS DE MARRADAS
Assim como alguns tipos de carneiros e veados da era atual, os Stygimoloch machos costumavam disputar a liderança do bando em lutas de marradas. Os machos assumiam suas posições, esticando o pescoço e abaixando a cabeça, e então atacavam, dando cabeçadas um no outro, mas sem usar os chifres. A grande espessura do osso localizado no topo do crânio servia como proteção ao cérebro. Eles lutavam até que um dos dois animais desistisse e fosse embora.

--DADOS--
-NOME: Stygimoloch ("diabo com espinhos")
-TAMANHO: 3 m de comprimento e 1,2 m de altura
-ALIMENTAÇÃO: plantas
-QUANDO VIVEU: 70 milhões de anos atrás, período Cretáceo, na América do Norte
-ESPÉCIES: Stygimoloch spinifer

05 dezembro, 2010

POLACANTHUS

Polacanthus

Esqueleto de Polacanthus

Polacanthus vs. 4 Valdoraptors

Polacanthus em seu habitat natural
MAIOR QUE UM RINOCERONTE, ESTE DINO ESPINHENTO FOI SALVO DO MAR.

Durante milhares de anos, ondas açoitaram os penhascos da Ilha de Wight. As rochas foram se desgastando com o tempo e acabaram revelando restos do Polacanthus. Antes que o reverendo William Fox o encontrasse, em 1865, a maior parte já havia sido tragada pelo oceano.

-SOB ATAQUE
O robusto Polacanthus se alimentava das samanbaias que cobriam o sul da Inglaterra há 120 milhões de anos. Caminhando lentamente sobre as pernas fortes, mantinha-se vigilante contra o ataque de um carnossauro. Ameaçado, ele se agachava rente ao solo para proteger a barriga. A simples visão de seus espigões podia desaminar os predadores, que o deixavam para buscar uma outra refeição.

-ENFEITE AFIADO
Provavelmente o Polacanthus usava os impressionantes espigões como um leque que lhe enfeitava os lados do corpo e a longa cauda. Na boca pequena, dentes em forma de folha dilaceravam as plantas.

--DADOS--
-NOME: Polacanthus, que significa "muitos espigões"
-TAMANHO: 4 m (comp.) e 1 m (alt.)
-ALIMENTAÇÃO: samambaias etc.
-QUANDO VIVEU: há uns 120 milhões de anos, na Ilha de Wight, Inglaterra.
-ESPÉCIES: Polacanthus foxii e Polacanthus rudgwickensis

04 dezembro, 2010

RHABDODON

Esqueleto de Rhabdodon


PARA COMPENSAR SUA ESTRUTURA DELICADA, ELE POSSUÍA OS PÉS LIGEIROS COMO UMA GAZELA.

Comprido como um carro grande, o Rhabdodon era maior e mais pesado que seu parente, o Hypsilophodon. Ambos pertenciam a um grupo apelidado de "dinossauros gazelas", por mover-se com a mesma graça e agilidade desse animal. Velozes, podiam deixar para trás a maioria dos predadores.

-BEM MASTIGADO
O Rhabdodon não precisava que ninguém o advertisse para mastigar bem a comida! Utilizando-se de um método eficiente para comer suas plantas e brotos favoritos, ele primeiro cortava um galho com as bordas afiadas de seu focinho. Depois, com as poderosas mandíbulas dotadas de fileiras de dentes que se sobrepunham, formando uma espécie de lâmina, mastigava várias vezes, triturando bem as folhas.

-PÉS E MÃOS
Esse dino devia ter cinco dedos em cada mão, que serviam para puxar os galhos altos. Os quatro dedos dos pés tinham garras que se fincavam no chão.

--DADOS--
-Nome: Rhabdodon significa "dente em forma de bastão"
-TAMANHO: cerca de 4 m
-ALIMENTAÇÃO: folhas e arbustos
-QUANDO VIVEU: há cerca de 80 milhões de anos, fim do Cretáceo, na França, Áustria e Romênia
-ESPÉCIES: Rhabdodon priscus e Rhabdodon septimanicus
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...